1

Desligamento da empresa

Mesmo que se desligue da empresa patrocinadora, você não perde os benefícios de ser participante de um plano de previdência administrado pela Funcesp.

Você pode optar por diferentes formas de manter o seu plano de previdência e a segurança de seu investimento no futuro, ou ainda portar sua previdência para outra instituição ou resgatar.

Conheça abaixo as possibilidades.

 

Como fazer:

Ao perder o vínculo empregatício com a empresa, selecione uma das opções abaixo e entre em contato com os canais de atendimento da Funcesp ou faça sua opção pela área logada do portal (Serviços On-line) - com exceção da portabilidade.

Autopatrocínio

Você pode optar por continuar com o seu plano de previdência com a opção de Autopatrocínio.

Nesta opção, você continua contribuindo mensalmente com a sua parcela de contribuição obrigatória e passa a assumir a parcela da empresa na qual trabalhou.

Com esta opção, você mantém o seu planejamento previdenciário e ainda pode continuar investindo a mais com a Contribuição Voluntária e com a Contribuição Esporádica.

Coligação

Você permanece como participante do plano previdenciário sem realizar a contribuição obrigatória mensal (que forma a parcela BD do seu plano). No entanto, pode realizar Contribuição Esporádica para aumentar a expectativa de seu benefício futuro sempre que desejar.

O participante coligado, após cumprir as carências da Suplementação de Aposentadoria por Tempo de Serviço ou por Idade (a que ocorrer primeiro), receberá o Benefício Proporcional Diferido - BPD. Este benefício será calculado na data da opção pela coligação e corrigido mensalmente pelo IGP-DI até a aposentadoria. A suplementação adicional da Contribuição Voluntária e Esporádica será calculada, na data da aposentadoria, com base em 100% do saldo da Conta de Aposentadoria Total.

 

Requisitos:

É necessário ter no mínimo 2 anos de adesão ao plano previdenciário para fazer essa opção.

 

Obs.: Caso o participante não opte pelo autopatrocínio ou pela coligação, será automaticamente qualificado como coligado (com no mínimo 2 anos de adesão).

Resgate

O participante pode optar pelo recebimento do saldo das contribuições de acordo com a modalidade do benefício (abaixo).

O participante que transferiu suas contribuições de plano previdenciário de entidade aberta poderá resgatar essas contribuições. No valor do resgate haverá incidência de Imposto de Renda.

A forma de recebimento das contribuições pode ser à vista ou parcelada em até 60 meses.

 

Benefício Definido – BD

  • Serão restituídos os saldos da contribuição mensal feita pelo participante e da joia atuarial (caso tenha sido paga).
  • As contribuições relativas à patrocinadora feitas pelos participantes autopatrocinados, a partir de julho de 2005, serão devolvidas, exceto as destinadas à cobertura de benefícios de risco (aposentadoria por invalidez e pensão por morte).

 

Contribuição Variável – CV

  • Serão restituídos os saldos das contribuições do participante e até 90% das contribuições feitas pelo patrocinador, conforme o tempo de filiação do participante (0,50% para cada mês). 

Portabilidade

O participante tem a opção de transferir o mesmo valor do resgate de contribuições para outra entidade de previdência fechada ou aberta. No valor da portabilidade não haverá incidência de Imposto de Renda.

 

Requisitos:

  • Ter, no mínimo, 1 ano de filiação ao plano;
  • Não estar recebendo o benefício;
  • Não ter resgatado as contribuições.